quarta-feira, 15 de junho de 2011

Faculdades de Relações Públicas e suas características


UFAL
Site da Universidade Federal de Alagoas. A universidade oferece o curso de relações públicas na capital do Estado de Alagoas, Maceió. A página de comunicação social no site é incipiente e não traz nenhuma informação relevante sobre o curso ou sobre a atividade de RP.

A Faculdade Nilton Lins é uma das faculdades que oferecem o curso de relações públicas no Estado do Amazonas.

Universidade Federal do Amazonas. Situada no coração da Amazônia, foi a primeira universidade brasileira, pois se originou da Escola Universitária Livre de Manáos, criada em 1909.

A Universidade do Estado da Bahia é a única faculdade pública a oferecer o curso de relações públicas na Bahia. Foi na UNEB que surgiu o primeiro curso de RP do Estado.

Site da Universidade Salvador. A Unifacs foi segunda universidade a oferecer o curso de relações públicas na Bahia, logo após a UNEB. Atualmente mantém um curso de RP em nível de excelência.

O curso de RP da Unidade Bahiana de Ensino, Pesquisa e Extensão conta com a coordenação do Prof. Sérgio Mattos, um importante nome na comunicação social brasileira e foi o terceiro curso a surgir no Estado da Bahia.

Site da Faculdade de Tecnologia e Ciências, que oferece o curso de relações públicas em três unidades do Estado da Bahia, Salvador, Vitória da Conquista e Itabuna. É a maior rede de ensino superior particular do Estado.

A Universidade Católica de Salvador oferece um curso de relações públicas com características muito peculiares. Não sei se posso usar o termo inovador, mas, com toda certeza, polêmico, pois, é uma habilitação de RP com ênfase em Marketing.

A última faculdade da capital baiana a oferecer o curso de relações públicas. A turma mais avançada se encontra no quinto semestre. No site podemos encontrar a grade (matriz) curricular do curso.

O Site do Instituto de Educação Superior de Brasília é super moderno, com muitas animações e design arrojado. Curso oferecido pela IESB é denominado Comunicação Institucional e Relações Públicas.

A Universidade de Vila Velha, situada no Estado do Espírito Santo, tem um site com interface muito leve e de fácil navegação. Disponibiliza informações adicionais sobre o curso de RP, como o mercado de trabalho, o perfil do profissional, dentre outras importantes informações.

Faculdade de Comunicação e biblioteconomia da Universidade Federal de Goiás. O site da UFG tem muitas áreas inoperantes, inclusive, a que trata do curso de relações públicas.

A Universidade Federal do Maranhão oferece apenas três cursos na área de comunicação e um deles é o de relações públicas. No site não traz informações sobre o curso que oferece. Tem apenas uma página indicando as três habilitações e informações institucionais.

A Universidade Católica Dom Bosco, situada no Estado de Minas Gerais, tem uma página muito completa sobre o curso de RP que disponibiliza. Vale uma visita.

O Centro Universitário de Belo Horizonte disponibiliza na sua página na Internet uma área de serviços para alunos e professores da instituição, além de descrição dos cursos que oferece e outras informações institucionais.

O site do Centro Universitário Newton Paiva, que fica no Estado de Minas Gerais, disponibiliza informações importantes sobre o curso de RP, como diferenciais do profissional, área de atuação, dentre outras.

Faculdade União de Negócios e Administração do Estado de Minas Gerais. Na seção disponibilizada para discorrer sobre o curso de RP o site traz uma descrição detalhada sobre o fazer da atividade e o desenvolvimento do curso. Muito boa abordagem realizada da atividade.

Site do Departamento de Comunicação Social da Universidade Federal de Minas Gerais. Muito fraco em termos de informações do curso oferecido.

A Faculdade de Comunicação Social de Caratinga, situada no Estado de Minas Gerais, disponibiliza aos internautas muito pouco conteúdo sobre o curso oferecido e sobre a atividade de RP na sua página na Internet.

A Universidade da Amazônia está situada no Estado do Pará. O curso de RP da UNAMA é o único do Estado desde 1990, sua primeira turma concluiu em 1993 e desde então é mantida a habilitação de RP entre os cursos de comunicação oferecidos pela instituição.

A Universidade Federal da Paraíba é uma das universidades públicas que disponibilizam o curso de relações públicas, sendo que, da área de comunicação, além de RP tem apenas o curso de jornalismo.

O Site do Departamento de Comunicação Social da Pontifícia Universidade Católica do Paraná tem uma interface muito simpática e muito leve. Lá você encontrará informações sobre o curso de RP.

O Site da Universidade Federal do Paraná faz parte do Portal do Governo Brasileiro e disponibiliza uma página para o curso de relações públicas.

A página disponibilizada pela Universidade Tuiuti do Paraná para o curso de Relações Públicas é bastante informativa. Descreve com riqueza de detalhes os aspectos do curso e da atividade de RP.

A Universidade Estadual de Londrina, situada no Estado do Paraná, não disponibiliza no seu site informações muito detalhadas sobre os cursos oferecidos, inclusive, o de relações públicas.

As Faculdades do Brasil, situada no Estado do Paraná, traz no seu site uma página dedicada ao curso de RP com informações sobre a formação e o perfil do profissional de relações públicas, muito útil e interessante.

O site da Universidade Norte do Paraná tem uma página específica para o curso de RP, contendo o objetivo do curso e o perfil profissional.

No seu site institucional, a Universidade Católica de Pernambuco oferece poucas informações sobre o curso que disponibiliza.

A Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, uma das mais importantes faculdades de relações públicas do Brasil, disponibiliza na sua página na Internet uma seção para o curso de RP, mas não traz muitas informações, apenas a grade curricular.

A Universidade Federal do Rio Grande do Sul é responsável pela formação de muitos autores da área, como o autor do livro Comunicação e mediação das ONG’s, Henrique Wendhausen, por exemplo. O curso de RP da UFRGS é um dos mais importantes e consagrados do país.

Universidade Luterana do Brasil, situada no Rio Grande do Sul. No seu site, a página dedicada ao curso de RP, além de conter informações sobre o curso, disponibiliza informações sobre o perfil profissional, o mercado de trabalho e o diferencial do relações públicas nesse mercado.

A Universidade de Cruz Alta é mais uma do Estado do Rio Grande do Sul que disponibiliza o curso de RP. Traz no seu site uma página sobre o curso de RP com muitas informações, tanto do curso quanto da atividade, além de um perfil do profissional e outras questões pertinentes.

A Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul tem um site bem interessante, traz uma página para cada uma das habilitações de comunicação, mas com poucas informações específicas sobre os cursos disponibilizados.

A Universidade Católica de Pelotas mantém um curso de relações públicas entre as habilitações de comunicação social como muita qualidade. Isso pode ser atestado, na página do seu site dedicada à atividade, muito completa, com muitas informações sobre o curso oferecido pela instituição.

O site da Universidade de Santa Cruz do Sul tem uma página dedicada ao curso que contém muitas informações sobre o curso e sobre a área de atuação do profissional de RP.

A Universidade Federal de Santa Maria, situada no Estado do Rio Grande do Sul, mantém um dos mais importantes cursos de RP do Brasil. A página do seu site dedicada ao curso, entretanto, não reflete essa realidade, pois, traz apenas informações básicas sobre o curso oferecido.

A Universidade do Vale do Rio dos Sinos tem no seu site institucional uma página muito boa sobre o curso de graduação em relações públicas.

As Faculdades Integradas Hélio Alonso, situadas no Estado do Rio de Janeiro também disponibiliza o curso de RP entre as habilitações de comunicação social. No seu site, entretanto, informa apenas a grade curricular do curso.

A Universidade do Estado do Rio de Janeiro não disponibiliza no seu site informações específicas sobre o curso oferecido de relações públicas.

A Universidade Gama Filho, situada no Estado do Rio de Janeiro, oferece um dos principais cursos de relações públicas do país. Tem como professor do curso o professor Roberto Fonseca Vieira, autor de duas importantes publicações da área, “Comunicação Organizacional: Gestão de Relações Públicas” e “Relações Públicas: opção pelo cidadão”.

Na página em que descreve os cursos da área de comunicação e as competências de cada área, o Centro Universitário de Barra Mansa, situada no Estado do Rio de Janeiro, comete um equívoco formidável. Não coloca como competência do relações públicas a assessoria de imprensa e a consultoria empresarial, mas como competência do jornalista. Resta saber se é por ignorância ou por má fé.

O site da Faculdade de Filosofia de Campos no Estado do Rio de Janeiro não está disponibilizando informações on-line a respeito dos cursos, incluindo o de relações públicas. Lá você vai encontrar a “solene” frase: “Em manutenção. Desculpe o transtorno”. Há coisa mais chata do que isso?.

No seu site institucional, a Universidade do Vale do Itajaí, que tem vários campus no Estado de Santa Catarina, mantém uma página dedicada ao curso de RP com informações sobre o perfil do curso e o perfil do profissional de RP.

A Associação Educacional Leonardo Da Vinci, situada no Estado de Santa Catarina, oferece dois cursos de RP com perfis diferenciados: Relações Públicas e Relações Públicas com ênfase em Comunicação Empresarial, este último com mais disciplinas práticas e mais voltado para o mercado.

O site da Sociedade Lageana de Educação disponibiliza um outro site com vários links contendo informações sobre o curso de relações públicas e o perfil do profissional.

A Faculdade de Comunicação Social Cásper Líbero, situada no Estado de São Paulo, mantém um dos cursos de relações públicas de maior visibilidade do país. Com muitos prêmios e distinções para expor, a Cásper criou uma área exclusiva para o curso, muito dinâmica e com muitas informações.

O site das Faculdades Integradas Rio Branco do Estado de São Paulo é muito simples e funcional. Disponibiliza informações sobre cada curso, inclusive o de RP. Fala sobre as possibilidades, áreas de atuação e ainda sobre os cursos de extensão que a faculdade coloca a disposição dos alunos para formação extracurricular.

As Faculdades Integradas Alcântara Machado, situada no Estado de São Paulo, oferece o curso de RP, a partir da UniFiamFaam. Na área destinada ao curso pode se encontrar muitas informações sobre o curso e sobre a profissão.

O site das Faculdades Integradas de São Paulo não traz informações relevantes sobre o curso de RP. Numa só seção lista todos os cursos que a faculdade oferece de forma bastante incipiente.

A Fundação Armando Álvares Penteado, que fica no Estado de São Paulo, disponibiliza um site muito bonito e com bastante conteúdo tanto do curso que oferece quanto sobre a profissão de relações públicas. Vale a visita!

O site da Universidade Cruzeiro do Sul, instituição do Estado de São Paulo, ao apresentar o curso faz uma abordagem pouco clara a respeito do curso de RP. Mas, pra compensar, faz uma ótima abordagem sobre a profissão.

A Universidade de Santo Amaro é mais uma das muitas universidades e faculdades que oferecem o curso de RP no Estado de São Paulo. O site traz informações bastante objetivas em apenas algumas linhas e em uma só página sobre o curso.

A Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo (ECA/USP) é, sem dúvida, uma das principais faculdades de Comunicação Social do país. No caso da habilitação em Relações Públicas, conta com profissionais de re-nome nacional e internacional e se constitui em um dos mais importantes cursos de relações públicas do Brasil.

Muito interessante o formato do site do curso de relações públicas que a Universidade do Sagrado Coração disponibiliza. Abre em uma nova janela com links para diversas questões a respeito do curso e da profissão.

A Universidade Estadual Paulista oferece o curso de relações públicas no campus da cidade de Bauru. O seu site traz informações sobre o curso: histórico, professores, dentre outras informações.

Site da Pontifícia Universidade Católica de Campinas. Disponibiliza aos visitantes sua infra-estrutura e, dentre outras coisas, uma suposta carteira profissional do relações públicas.

As Faculdades Integradas de Itapetininga, que ficam no Estado de São Paulo, optou por não informar nada relevante no conteúdo da página relacionada ao curso de relações públicas.

Se formos tomar como base o site do curso de relações públicas das Faculdades Integradas Teresa D'Avila de São Paulo, concluiremos que o curso nada produziu e nem tem nada a dizer. A página tem duas seções: (1) ‘destaque”, que tem a seguinte frase escrita: “Nenhuma notícia cadastrada”; e (2) “Notícias” que, surpreendentemente, tem a frase: “Nenhuma notícia cadastrada”. O que pensar?

O site do Centro Universitário Monte Serrat do Estado de São Paulo tem um conteúdo bastante interessante na área de relações públicas. Dentre outras coisas, mantém um informativo com notícias sobre a atividade.

A Universidade Católica de Santos, São Pulo, disponibiliza muito pouca informação sobre a profissão e sobre o curso no seu site na Internet.

Depois de obter o status de curso cinco estrelas do Guia do Estudante da Editora Abril, o curso de RP da Universidade Metodista de São Paulo está a todo vapor. No seu site disponibiliza as informações básicas sobre a atividade e sobre o curso que a faculdade disponibiliza.

O site da União das Faculdades dos Grandes Lagos do Estado de São Paulo traz informações apenas sobre a profissão e perfil profissional, mas poucas informações sobre o curso da Unilago.

O curso de relações públicas da Universidade de Taubaté, São Paulo, tem uma área no site da instituição que disponibiliza sua grade curricular, dentre outras informações.

A Universidade Tiradentes é a única do Estado de Sergipe a oferecer o curso de relações públicas. No seu site, além da grade curricular do curso, traz informações sobre o campo de atuação e o mercado de trabalho.


Fonte: http://www.sobresites.com/relacoespublicas/faculdades.htm

Relações Públicas - Uma das 10 mais promissoras carreiras. (Folha de São Paulo, 2008).

Guia das Profissões da Folha de S. Paulo classifica a carreira de Relações Públicas como uma das 10 mais promissoras

Copyright Folha de S.Paulo - São Paulo, domingo, 21 de setembro de 2008


RELAÇÕES PÚBLICAS

Profissional cuida da reputação das empresasFunção tornou-se mais estratégica e valorizada nos últimos anos

CRISTINA MORENO DE CASTRO
COLABORAÇÃO PARA A FOLHA

As relações públicas são como uma cesta básica, tão importante quanto feijão e arroz, para o país, as empresas e as pessoas. Quem "vende essa idéia" - no jargão da área - é Paulo Nassar, diretor-geral da Aberje (Associação Brasileira de Comunicação Empresarial).

O profissional que coordena essa área responde pela comunicação interna com os funcionários da empresa, assessoria à imprensa e busca de políticas de integração com todos os outros públicos que se relacionam com a instituição.


As maiores empresas instaladas no Brasil incorporaram essa "cesta básica" em seu quadro estratégico de uns anos para cá, aumentando as contratações e os salários do setor.


Segundo pesquisa inédita feita pela Aberje com essas empresas, analistas de comunicação ganham em média por mês R$ 2.800 -enquanto o salário de diretores da área costuma superar os R$ 30 mil mensais.


"Quem cuida da comunicação organizacional é responsável pela gestão da imagem e da reputação da empresa. E isso hoje é irreversível. Esse boom não é só uma tendência de moda", diz a professora de comunicação empresarial da ESPM, Isolda Cremonine.


Graduado em jornalismo, mestre e doutor em relações públicas pela USP, Nassar quer deixar claro que o que está em alta é todo o campo em que vários profissionais -inclusive os relações-públicas- atuam: o da comunicação de organizações. Mas, para quem quiser pegar o bonde na frente, o curso de relações públicas facilita o ingresso no setor. "Quem faz o curso em nível de graduação já começa com uma vantagem competitiva, com sua formação no campo da atividade relacional. Quem não teve essa formação está procurando ter já num nível de pós-graduação", diz.


Formado em 2006, o paulistano Bruno Carramenha, 23, é exemplo dessa vantagem. Ele faz estágios desde o primeiro ano de faculdade e nunca esteve desempregado. Hoje trabalha na agência de relações públicas LVBA, que atende a empresas do porte de Nokia, Warner e Bayer. Ele afirma que a situação dos colegas também é boa. "Do meu grupo da faculdade, todos estão empregados.".


Os estudantes costumam aprender noções de administração, psicologia social, marketing, opinião pública e recursos humanos -currículo que atraiu Milena Cândido, 18. Ela trocou artes cênicas por relações públicas. "Acho que terei mais oportunidades."



Ao ler essa notícia no início do ano de 2009, iniciando minha graduação, enchi-me de esperança e expectativa. Com o passar do tempo e do curso percebi que, ao menos em Alagoas, esse futuro onde as Relações Públicas são apontadas como uma das dez profissões mais importantes, está muito longe! (Infelizmente!) 

Lista de Faculdades que oferecem o curso de Relações Públicas no Brasil.

ALAGOAS
UFAL - Universidade Federal de Alagoas (www.ufal.br)

AMAPÁ
Faculdade Seama (www.seama.com.br)

AMAZONAS
UFAM - Universidade Federal do Amazonas (www.ufam.br)
Faculdade Boas Novas de Ciências Tecnológicas e Sociais (www.faculdadeboasnovas.edu.br)

BAHIA
UNEB - Universidade do Estado da Bahia (www.uneb.br)
UCSal - Universidade Católica de Salvador (www.ucsal.br)
UNIFACS - Universidade Salvador (www.unifacs.br)
UNIBAHIA - Unidade Baiana de Ensino, Pesquisa e Extenção (www.unibahia.br)
Faculdade Juvêncio Terra/Vitória da Conquista (www.jts.br)

DISTRITO FEDERAL
IESB - instituto de Educação Superior de Brasília (www.iesb.br)

ESPÍRITO SANTO
FIPAG - Faculdades Integradas Padre Anchieta de Guarapari (www.fipag.br)
UVV - Centro Superior de Vila Velha (www.uvv.br)

GOIÁS
UFG - Universidade Federal de Goiás (www.facomb.ufg.br)
FASAM - Faculdade Sul-Americana (www.fasam.edu.br)

MARANHÃO
UFMA - Universidade Federal do Maranhão (www.ufma.br)

MATO GROSSO
UNIVAG - Centro Universitário (www.univag.com.br)

MINAS GERAIS
UNI-BH - Centro Universitário de Belo Horizonte (www.unibh.br)
Centro Universitário Newton Paiva (www.newtonpaiva.br)
PUC-MINAS - Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (www.pucminas.br)
FABRAI - Faculdade Brasileira de Ciências Exatas, Humanas e Sociais (www.fabrai.br)
UNA - Centro Universitário (www.una.br)
UFMG - Universidade Federal de Minas Gerais (www.ufmg.br)
UNIUBE- Universidade de Uberaba (www.uniube.br)
FIC- Faculdades Integradas de Caratinga (www.ficmg.edu.br)

PARÁ
UNAMA - Universidade da Amazônia (www.unama.br)
IESAM - Instituto de Estudos Superiores da Amazônia (www.iesam-pa.edu.br)

PARAÍBA
UFPB - Universidade Federal da Paraíba (www.ufpb.br)

PARANÁ
UniAndrade - Centro Universitário Campos Andrade (www.uniandrade.br)
PUC-PR - Pontifícia Universidade Católica do Paraná (www.pucpr.br)
Universidade Federal do Paraná (www.ufpr.br)
UEL - Universidade Estadual de Londrina (www.uel.br)
UNIBRASIL - Faculdades do Brasil (www.unibrasil.com.br)
FACNOPAR - Faculdade do Norte Novo de Apucarana (www.facnopar.com.br)
UNIFAMMA - Faculdade Metropolitana de Maringá (www.unifamma.edu.br)
UDC - Faculdade Dinâmica das Cataratas (www.udc.edu.br)
Faculdades ESEEI - Escola Superior de Estudos Empresariais e Informática (www.spet.br)
Fasul - Faculdade Sul Brasil (www.fasul.edu.br)

PERNAMBUCO
ESURP - Escola Superior de Relações Públicas de Pernambuco (www.esurp.edu.br)
UNICAP - Universidade Católica de Pernambuco (www.unicap.br)

PIAUÍ
UESPI - Universidade Estadual do Piaui (www.uespi.br)

RIO GRANDE DO SUL
PUC-RS - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (www.pucrs.br)
UFRGS - Universidade Federal do Rio Grande do Sul (www.ufrgs.br)
ULBRA - Universidade Luterana do Brasil (www.ulbra.br)
UCS - Universidade de Caxias do Sul (www.ucs.br)
UNICRUZ - Universidade de Cruz Alta (www.unicruz.edu.br)
UNIJUÍ - Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul (www.unijui.tche.br)
Centro Universitário FEEVALE (www.feevale.br)
UNISC - Universidade de Santa Cruz do Sul (www.unisc.br)
FACCAT - Faculdade de Ciências da Comunicação de Taquara (http://comunicacao.faccat.br)
UFSM - Universidade Federal de Santa Maria (www.ufsm.br)
Centro Universitário Univates (www.univates.br)
UNISINOS - Universidade do Vale do Rio dos Sinos (www.unisinos.br)

RIO DE JANEIRO
FACHA - Faculdades Integradas Hélio Alonso (www.facha.edu.br)
UERJ - Universidade do Estado do Rio de Janeiro (www.uerj.br)
UGF - Universidade Gama Filho (www.ugf.br)
UBM - Centro Universitário de Barra Mansa (www.ubm.br)
FFC- Faculdade de Filosofia de Campos (www.ffc.br)

RONDÔNIA
FARO - Faculdade de Ciências Humanas, Exatas e Letras de Rondônia(www.faro.edu.br)

SANTA CATARINA
UNIVALI - Universidade do Vale do Itajaí (www.univali.br)
UnC - Universidade do Contestado (www.unc.br)
Faculdades Integradas FACVEST (www.sle.br)

SÃO PAULO
Uni Sant'Anna - Centro Universitário Sant'Anna (www.unisantanna.br)
Faculdade Cásper Líbero (www.facasper.com.br)
FIRBRB - Faculdades Integradas Rio Branco (www.riobrancofac.edu.br)
FIAM/FAAM - Faculdades Integradas Alcântara Machado (www.fiamfaam.br)
FAAT - Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas de Atibaia (www.faat.com.br)
FAAP - Fundação Armando Álvares Penteado (www.faap.br)
UNICSUL - Universidade Cruzeiro do Sul (www.portalunicsul.com.br)
UNISA - Universidade de Santo Amaro (www.unisa.br)
FEBASP - Centro Universitário Belas Artes (www.belasartes.br)
USP - Universidade de São Paulo (www.eca.usp.br)
USC - Universidade do Sagrado Coração (www.usc.br)
UNESP - Universidade Estadual Paulista (www.faac.unesp.br)
PUCCAMP - Pontifícia Universidade Católica de Campinas (www.puc-campinas.edu.br)
METROCAMP - Faculdades Integradas Metropolitana de Campinas (www.metrocamp.edu.br)
FKB - Faculdades Integradas de Itapetininga (www.fkb.br)
FAPCOM - Faculdade Paulus de Tecnologia e Comunicação (www.fapcom.com.br)
FATEA - Faculdades Integradas Teresa D'Avila (www.fatea.br)
UNIMONTE - Centro Universitário Monte Serrat (www.unimonte.br)
UNISANTOS - Universidade Católica de Santos (www.unisantos.br)
UMESP - Universidade Metodista de São Paulo (www.metodista.br)
Faculdade Americana (www.fam.br)
UNISO - Universidade de Sorocaba (www.uniso.br)
UNILAGO - União das Faculdades dos Grandes Lagos (www.unilago.com.br)
UNITAU - Universidade de Taubaté (www.unitau.br)

(Listagem retirada do site: www.rp-bahia.com.br)

Ranking das melhores faculdades de Relações Públicas

O Ministério da Educação (MEC) analisa os cursos e a faculdades de uma forma metodológica usando para isso o IGC - Índice Geral de Cursos.
O Índice Geral de Cursos da Instituição (IGC) é um indicador de qualidade de instituições de educação superior, que considera, em sua composição, a qualidade dos cursos de graduação e de pós-graduação (mestrado e doutorado). No que se refere à graduação, é utilizado oCPC (conceito preliminar de curso)
O CPC é uma média de diferentes medidas da qualidade de um curso. As medidas utilizadas são: oConceito Enade (que mede o desempenho dos concluintes), o desempenho dos ingressantes no Enade, o Conceito IDD e as variáveis de insumo. O dado variáveis de insumo – que considera corpo docente, infra estrutura e programa pedagógico – é formado com informações doCenso da Educação Superior e de respostas ao questionário socioeconômico do Enade.
De acordo com esses critérios para análise temos como as melhores faculdades de Relações Públicas do país as seguintes:

UFMG - Universidade Federal de Minas Gerais
UFRGS - Universidade Federal do Rio Grande do Sul
UNISC - Universidade de Santa Cruz do Sul
UFSM - Universidade Federal de Santa Maria
FEEVALE - Universidade Feevale
FECAP - Centro Universitário Fecap
UNISINOS - Universidade do Vale do Rio dos Sinos
PUCRS - Pontifíca Universidade Católica do Rio Grande do Sul
UNIJUI - Universidade Regional do Noroeste do estado do Rio Grande do Sul
UFPB - Universidade Federal da Paraíba


Fonte: http://portal.inep.gov.br/indice-geral-de-cursos

Relações Públicas


Definição:

É a profissão da boa imagem de empresas ou instituições perante o público interno e externo. O bacharel em Relações Públicas executa a estratégia de comunicação e ação de uma empresa, instituição ou órgão público. Para isso, transmite informações e orientações sobre sua filosofia, seus valores, objetivos e serviços para os funcionários, clientes, consumidores, fornecedores, o governo e a comunidade em geral. Formula e administra ações que garantam o bom relacionamento da organização com esses diferentes públicos. Elabora e divulga boletins internos e externos, cria programas de integração com a comunidade e organiza atividades promocionais.
                                                              
Mercado de trabalho: 
                                                              
Cada vez mais as empresas percebem a necessidade de trabalhar a questão da identidade corporativa, por isso o mercado para relações públicas está aquecido. As vagas surgem nos departamentos de comunicação de companhias dos mais diversos setores. Há oportunidades para os especialistas em comunicação institucional, pesquisa e planejamento estratégico. Nas indústrias farmacêuticas e de embalagens a demanda é crescente. As agências especializadas em relações públicas, que prestam serviços para empresas, também abrem portas. No setor de serviços, os bancos e as empresas de telecomunicações são os que mais recrutam. Nesses casos, as chances de colocação estão concentradas nas regiões Sudeste e Sul. O setor público também tem buscado este profissional. A Petrobras, por exemplo, abriu vagas para o profissional em seu mais recente concurso público. As oportunidades crescem principalmente no terceiro setor. ONGs, fundações e instituições como APAE, AACD e ICC requisitam profissionais para o planejamento e captação de recursos. São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba, Salvadador, Porto Alegre e Recife são as cidades mais promissoras para esta área. O Distrito Federal é uma boa praça para o trabalho na área governamental.

Salário Inicial: R$ 1.600

O Curso:

Entre as disciplinas específicas estão organização de eventos, política de comunicação, pesquisa de opinião e planejamento. Nos dois primeiros anos, o currículo enfatiza a área de comunicação. Como é importante compreender o funcionamento de uma organização, você tem também aulas de economia, administração e direito. É comum que o curso de Relações Públicas seja oferecido como habilitação em Comunicação Social. Geralmente, para tirar o diploma é necessário um projeto de comunicação. 

Duração média: Quatro anos.

O que você pode fazer:

Administração: Promover ações voltadas para a valorização de uma empresa ou de suas marcas. Criar canais de comunicação com o público interno (funcionários) e externos (fornecedores, clientes, governo e comunidade);

Cerimonial e protocolo: Orientar empresários, políticos e chefes de Estado sobre etiqueta e comportamento;

Comunicação Institucional: Divulgar os valores e as políticas da organização para funcionários, clientes, consumidores e fornecedores;

Eventos: Organizar palestras, exposições, recepções, coquetéis e outras solenidades de promoção da empresa;

Atenção ao cliente: Atender às solicitações e às reclamações de consumidores para melhorar a qualidade dos produtos e serviços da empresa;

Pesquisa de opinião: Coletar dados sobre o público interno e externo da empresa para desenvolver planos de comunicação e ação;

Planejamento estratégico: Traçar a estratégia de relacionamento e de comunicação com a comunidade, a imprensa, os fornecedores, a concorrência e os consumidores;

Projetos institucionais: Analisar pedidos apresentados a empresa, de parceria em projetos sociais, culturais e educacionais, coordenando sua adequação à filosofia e aos objetivos da instituição.


Informações retiradas da Revista Guia do estudante.